Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

Política da terra arrasada, pragmatismo e predação do Estado.

Imagem
O cenário político nacional é amargo e está preso a dois problemas estruturais do país: o primeiro ligado diretamente aos efeitos da crise mundial que abateu a economia nacional , o que levou a uma profunda dificuldade de financiamento do Estado e de grandes investimentos do setor público nas áreas sociais; o segundo, está ligada a exposição dos vícios privados e públicos que se materializam em uma cultura da corrupção que passa por todas as instâncias da vida social no país e que ganha contornos catastróficos em meio a um cenário de crise estrutural. Estes dois elementos permitiram e incentivaram o golpe de estado civil e parlamentar que, sob a égide de diversos interesses privados e de origem internacional reuniu argumentos institucionais e o capital social necessário ao impedimento da Presidenta Dilma Rousseff por parlamentares eivados por processos e com comprovada ficha criminal.

Após o golpe, o território da política nacional tornou-se terra arrasada, o que permitiu aos novos…

O Serviço Social no Campo da Saúde

Imagem
Aos meus amigos e amigas do Serviço Social, a UNISUAM está com uma ótima programação em relação a atuação do Serviço Social na área da Saúde.
As inscrições estão abertas!!!!
Em tempos de crise, período no qual as políticas públicas tornam-se ainda mais necessárias a sociedade em função do agravamento das contradições entre o capital e o trabalho, o serviço social acumula papéis fundamentais nos seus diversos campos de trabalho. Conhecer seus desafios, limites e perspectivas de atuação é importante não apenas para os profissionais da área, mas, também, para todos aqueles que atuam nas áreas sociais e de fortalecimento da cidadania.
I SEMANA DA SAÚDE 2017 - MESA-REDONDA: SISTEMATIZAÇÃO DA PRÁTICA DO SERVIÇO SOCIAL NO HOSPITAL GERAL DE NOVA IGUAÇU
I SEMANA DA SAÚDE 2017 - EXPOSIÇÃO DE CAMPOS DE ESTÁGIO
I SEMANA DA SAÚDE 2017 - EXPOSIÇÃO DE CAMPOS DE ESTÁGIO
http://aluno-ext.unisuam.edu.br/ambiente-extensao-aluno-atividades-oferecidas/detalhes-atividade/15312

Povo da Baixada sem Medo na Rua

Imagem
Na Baixada Fluminense diversos coletivos estão se organizando e dando respostas ao rolo compressor do Governo Federal que vem arrancando diversos direitos, como o trabalho e a aposentadoria.

A nova lei da terceirização impõem graves derrotas aos trabalhadores e retira diversos direitos trabalhistas, o que em grandes impactos nas relações de contrato de trabalho. Já a reforma da previdência promove um grande retrocesso na política de seguridade social do país e sentencia a classe trabalhadora a exercer atividades laborais até o fim da vida.

Em meio há tantas mudanças constitucionais e derretas sofridas pelas classes mais baixas, jovens, coletivos culturais e novos movimentos sociais se organizam e articulam lutas e defesas de direitos. Na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, estes movimentos debatem o nacional e o local e apresentam propostas para o cenário de violência, corrupção e descaso com a sociedade.
Parabéns para os organizadores da Aula Pública: O povo quer se aposentar antes …