Duque de Caxias no Festival de dança de Joinville




Entrevista da Cia de Dança 
Encontrei a minha querida amiga Silmara no Cinema da Unigranrio participando da Conferência Extraordinária de Cultura da cidade de Duque de Caxias em um dia importante e muito produtivo em que foram definidas novas regras do conselho de cultura. 

Ela estava acompanhada de uma galera jovem e muito bonita formada por bailarinos da Escola de Dança Adriana Miranda. 


Caracterizados os bailarinos dançam quando recebem a doação.
Silmara me surpreendeu informando que os adolescentes tinham conquistado uma apresentação especial no festival de dança mais importante do país, o de Joinville, mas que a trupe não tinha recursos para financiar o transporte e o breve tempo que participariam daquele rico encontro de representantes da dança de todo o mundo. Na verdade, o grupo corria com um Livro de Ouro solicitando doações para o pagamento das passagens. 
Fiquei pensando o quanto de talento que esta Duque de Caxias e a Baixada tem e que se perde pelas limitações de  recursos. Este é mais um dos exemplos da diferença entre o fazer arte burguês e o proletário, as dificuldades são maiores para nós, mas, também, nos mobiliza para conseguirmos vitórias coletivas que são se transformam em memórias afetivas cheias de orgulho.
Peço aos amigos, alunos, companheiros, artistas e simpatizante das artes que ajudem estes jovens a viver este sonho com altivez e dignidade. Nossos talentos são muitos e devem ganhar o mundo.

  
Fonte: joiville.sc.gov.br

Para ajudar na compra das passagens e estada dos dançarinos doe:

Banco Itaú
Agencia: 0405
C/Poupança: 42832-7/500
Data limite de depósito: 15/06/2016

Fonte: G1.globo.com


Comentários

Postagens mais visitadas