Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2016

Duque de Caxias no Festival de dança de Joinville

Imagem
Encontrei a minha querida amiga Silmara no Cinema da Unigranrio participando da Conferência Extraordinária de Cultura da cidade de Duque de Caxias em um dia importante e muito produtivo em que foram definidas novas regras do conselho de cultura. 
Ela estava acompanhada de uma galera jovem e muito bonita formada por bailarinos da Escola de Dança Adriana Miranda. 

Silmara me surpreendeu informando que os adolescentes tinham conquistado uma apresentação especial no festival de dança mais importante do país, o de Joinville, mas que a trupe não tinha recursos para financiar o transporte e o breve tempo que participariam daquele rico encontro de representantes da dança de todo o mundo. Na verdade, o grupo corria com um Livro de Ouro solicitando doações para o pagamento das passagens.  Fiquei pensando o quanto de talento que esta Duque de Caxias e a Baixada tem e que se perde pelas limitações de  recursos. Este é mais um dos exemplos da diferença entre o fazer arte burguês e o proletário, as…

Conferência Municipal Extraordinária de Duque de Caxias

Imagem
A Conferência Municipal Extraordinária de Duque de Caxias foi um grande marco, em meio a crise detonada pelo governo Temer na área da cultura com o fim do Minc, da resistência e do poder de mobilização dos atores sociais de Duque de Caxias e da Baixada Fluminense.  A cidade se posicionou frente ao governo usurpador e, sobretudo, ampliou o debate da participação dos movimentos sociais, dos agentes culturais e da sociedade em relação a cultura do município. Os representantes da secretaria de cultura tiveram um papel fundamental na organização dos trabalhos e na garantia da participação democrática.  Temos que avançar neste e em outros aspectos fundamentais da cidade, tais como: transporte e mobilidade urbana, plano diretor e um modelo de cidade mais justa e participativa, transparência pública e participação no orçamento, maiores investimentos em educação e saúde no terceiro e quarto distrito da cidade. Queremos uma cidade transparente, participativa e capaz de ofertar serviços de qualidade…

SE CAXIAS FOSSE NOSSA

Imagem
Este é um dos debates mais interessantes sobre a minha cidade, Duque de Caxias, e eu queria muito participar, mas por razões profissionais não poderei ir. Acho os convidados ótimos e sinto profundamente não conseguir estar presente para dividir minhas angustias e ideias sobre uma cidade que eu e muitos amigos desejamos. No entanto, deixo aqui alguns questionamentos que considero importante para contribuir no debate e, se estivesse presente, levaria para análise dos presentes: 1) Qual a relação entre o alto Orçamento Público de Duque de Caxias e a reprodução de governos ligados aos setores de transporte, saúde e serviços públicos? 2) Porque independente de quem esteja no governo, o Orçamento da cidade é uma caixa preta e não é acessado pela sociedade e por instituições sociais organizadas? 3) Além do Orçamento, por onde passa as formas de reprodução do poder na cidade? Na Câmara dos Vereadores? No domínio dos órgãos de execução das leis municipais? no Empresariado Local ou nas grandes emp…